japanese knotweedcut

Processo criminal para quem não cumprir novas regras

O Ministério do Interior do Reino Unido aprovou recentemente legislação contra Reynoutria japonica e outras plantas invasoras, nomeadamente Impatiens glandulifera e Heracleum mantegazzianum, em áreas residenciais.

No Reino Unido, Reynoutria japonica é uma das espécies mais problemáticas com custos económicos elevadíssimos:

The potential cost of trying to eradicate the plant in Britain has been estimated at more than £1.25 billion, while just clearing the weed from 10 acres of the London Olympics site cost more than £70 million.

The Telegraph

Anteriormente, também no Reino Unido, a presença desta espécie num jardim privado levou à condenação judicial do proprietário, tal como noticiado aqui.

Na tentativa de resolver os sérios problemas causados por esta e outras plantas invasoras, o Ministério do Interior publicou o documento “Reform of anti-social powers: Japanese knotweed and other invasive non-native plants“.

De acordo com o documento, os proprietários que não procedam ao controlo das espécies referidas incorrem num processo criminal e ao pagamento de multas por comportamento anti-social. As multas podem variar entre £100 e £2.500, para pessoas singulares, e ascender a £20.000 caso se trate de organizações.

Para ver a ver notícia completa, consulte The Telegraph.

Das espécies referenciadas no documento aprovado, duas delas (Reynoutria japonica e Impatiens glandulifera) são classificadas pela legislação portuguesa (Decreto-Lei nº 565/99 Anexo III) como comportando risco ecológico, ou seja, são susceptíveis de causar uma alteração significativa nos ecossistemas. Por isso, o diploma legislativo português proíbe a detenção, a criação, o cultivo e  a comercialização destas espécies e prevê ainda o pagamento de coimas no valor de 1000-3000 Euros.

Em Portugal, apenas a Reynoutria japonica denota maior risco para os ecossistemas. De facto, esta espécie aparece a proliferar em margens de linhas de água, áreas degradadas e naturais em zonas mais frias do norte do país. Em baixo, pode ser consultado o perfil da espécie (retirado do “Guia prático para a identificação de plantas invasoras em Portugal”.

 

Reynoutria japonica-pagina Guia

 

Mais informação sobre esta espécie na página da Japanese Knotweed Aliance e mais notícias na BBC.

Etiquetas:, , ,

    Deixar uma resposta